Hipóteses, Justificativa, Objetivo (para quê? ou para quem?), O Problema (o quê?)


Hipóteses:
As hipóteses são respostas provisórias à questão central ou ao problema da pesquisa. E é por isso que se diz que elas funcionam como uma verdadeira bússola para o seu trabalho. Seu desafio, durante a execução da pesquisa será o de verificar a validade das suas “respostas provisórias”, seja para confirmá-las ou para refutá-las. A(s) hipótese(s) deve(m) ser formulada(s) de forma afirmativa.Vamos supor que o candidato tenha escolhido o tema “Entendendo a degradação da Mata Atlântica no litoral norte do estado de São Paulo no período de 1980 a 1990”. Após exaustiva revisão da literatura sobre o tema o candidato formula o seguinte problema: Qual a atividade econômica que mais degradou a Mata Atlântica no litoral norte
do estado de São Paulo no período de 1980 a 1990 ? Uma hipótese interessante para esta pesquisa poderia ser: O incremento desordenado do turismo foi o principal fator de degradação da a Mata Atlântica no litoral norte do estado de São Paulo no período de 1980 a 1990.

Justificativa:
Conforme Cartoni (2007), a justificativa, como o próprio nome indica, é o convencimento de que o trabalho de pesquisa deve ser efetivado. Uma boa justificativa deve levar em conta tantos os aspectos sociais quanto os científicos do tema. Três são os itens que não podem deixar de ser observados na justificativa:

a) Importância: Que revela o porquê de se estudar tal tema. Para quem o estudo deste tema é importante? Por que o estudo desse tema é importante para a ciência em questão (Direito, por exemplo)? Por que esse tema é importante para você (pesquisador)? Aqui se concentra a chamada justificativa Científica.

b) Viabilidade: Quais são as possibilidades de se realizar esta pesquisa? Este aspecto está relacionado às possibilidades materiais da pesquisa: fontes de consulta disponíveis, etc.

c) Oportunidade: Por que esta pesquisa é oportuna neste momento? Ela está de acordo com os interesses da atualidade no ordenamento jurídico? Aqui se concentra a chamada justificativa Social-científica, quando o pesquisador demonstra que tem conhecimento de como a sua ciência se reflete na sociedade.

Deve-se tomar o cuidado, na elaboração da justificativa, de não se tentar justificar a hipótese levantada, ou seja, tentar responder ou concluir o que vai ser buscado no trabalho de pesquisa. A justificativa exalta a importância do tema a ser estudado, ou justifica a necessidade imperiosa de se levar a efeito tal empreendimento.


A Justificativa num projeto de pesquisa, como o próprio nome indica, é o convencimento de que o trabalho de pesquisa é fundamental de ser efetivado. O tema escolhido pelo pesquisador e a Hipótese levantada são de suma importância, para a sociedade ou para alguns indivíduos, de ser comprovada.

        Deve-se tomar o cuidado, na elaboração da Justificativa, de não se tentar justificar a Hipótese levantada, ou seja, tentar responder ou concluir o que vai ser buscado no trabalho de pesquisa. A Justificativa exalta a importância do tema a ser estudado, ou justifica a necessidade imperiosa de se levar a efeito tal empreendimento.


Como surgiu o problema levantado para estudo;
Relação do tema com o contexto do curso;
Estágio em que se encontra a teoria referente ao tema;
Relevância do tema do ponto de vista geral;
Importância do tema para os casos particulares em questão;
Considerar as possíveis contribuições teóricas do  trabalho  para a solução do problema
levantado.
Possibilidade de sugerir modificações no âmbito da realidade tratada pelo trabalho;
Fundamentação da viabilidade da pesquisa;
Referências aos aspectos inovadores do trabalho;
Considerações sobre a escolha dos locais e períodos que serão pesquisados.

Objetivo Gera:
O Objetivo Geral define o que se pretende alcançar com a realização da pesquisa.

Exemplo:
- O objetivo geral do presente trabalho é mostrar que a mudança do regime de bandas
cambiais para o regime de câmbio flutuante, em 1999, para promover o ajuste externo, não
foi suficiente para restabelecer a credibilidade dos agentes econômicos em relação à
economia brasileira e, conseqüentemente, favorecer a retomada do crescimento.

Os objetivos específicos são os passos que se deve percorrer para alcançar o Objetivo
Geral.

Exemplos:
1. Analisar os regimes cambiais a partir do Plano Cruzado.
2. Avaliar o comportamento das contas do balanço de pagamentos, no período analisado.
3. Identificar o papel desempenhado pelo câmbio no ajuste externo.
4. Observar as variações no comportamento do PIB no período.

 Problema:
O problema de pesquisa está relacionado à pergunta que conduz a pesquisa. Como
mostra Hübner:
Os problemas de pesquisa (ou seja, as perguntas que norteiam o estudo,
denominadas por alguns autores de objetivos de pesquisa) apresentam, em geral,
os seguintes tipos de formulação:
Quais os fatores determinantes de...?
Há relação entre ... e ...?
Quais os efeitos de ... sobre ...?
Quais as características de ...?
Quais as semelhanças (ou diferenças) entre ... e ... ? (HÜBNER, 1998, p. 42-3)
Exemplo:
- Qual o efeito da mudança da política cambial, em 1999, realizada com vistas ao
ajuste externo, para a retomada do crescimento da economia brasileira?



Fonte:

Anhaguera

Pedago em foco

Manual Mackenzie

3 comentários: