Brasília e Paraty discutem Preço Fixo

Nos debates participam ministros da Educação, da Cultura, além de especialistas internacionais
Em fevereiro, quando a senadora Fátima Bezerra (PT/RN) apresentou o Projeto de Lei 49/2015, que propõe a regulação de preços de livros no Brasil, ela disse ao PublishNews que tinha como missão levantar um grande debate sobre o tema e que, ainda em 2015, realizaria um seminário internacional para tratar da Lei do Preço Fixo no País. Promessa feita, promessa cumprida. Está marcado para o próximo dia 30, um seminário em Brasília no qual se reunirão os ministros da Educação e da Cultura, além de especialistas internacionais e representantes da cadeia produtiva do livro no Brasil. Além disso, no dia 2 de julho, está marcado um debate sobre a Lei do Preço Fixo dentro da programação da FlipMais, em Paraty.
 
O evento de Brasília, convocado pela Comissão de Educação do Senado, será aberto às 9h com a mesaAs políticas de incentivo ao acesso ao livro e à Cultura no Brasil, que será dividida por Juca Ferreira, ministro da Cultura; Renato Janine, ministro da Educação, e José Castilho Marques Neto, secretário-executivo do Plano Nacional do Livro e Leitura (PNLL/MinC). Às 10h30, será a vez de ouvir as experiências internacionais na mesa Lei do Preço Fixo no mundo, que será comandada por Jean-Guy Boin, diretor-geral do Bureau International de l´Édition Française (Bief); Richard Charkin, presidente daInternational Publishers Association (Ipa), e Jack Lang, presidente do Instituto Mundo Árabe (Ima). Para encerrar os debates do dia, acontece a mesa Panorama do mercado livreiro nacional, a partir das 13h, com os presidentes CBL – Luis Antônio Torelli -, do SNEL – Marcos da Veiga Pereira –, da ANL – Afonso Martin – e da Libre – Raquel Menezes, além de Marcos Teles (Livraria Leitura), Julío Cesar da Cruz (Catavento Distribuidora) e do escritor Fernando Morais. O debate acontece no Auditório Interlegis, via N2, Anexo E do Senado Federal.
 
Em Paraty, o debate acontece no dia 2 de julho, a partir das 14h30, na Casa de Cultura (Rua Dona Geralda, 177 – Centro Histórico), e vai reunir novamente os presidentes da CBL, do SNEL, e da Ipa, além do diretor-geral do Bief. Os ingressos para a programação estarão disponíveis para serem retirados com uma hora de antecedência no local do evento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário